Redes Sociais para empresas: vale mesmo a pena investir?

Portugal tem 6,7 milhões de utilizadores activos nas redes sociais e 85% consulta a internet todos os dias

Redes Sociais para empresas: vale mesmo a pena investir?

Ainda duvida que valha a pena investir tempo e dinheiro nas redes sociais para empresas? Seja nos transportes públicos, na praia, na fila do supermercado, no café, na casa-de-banho ou até antes de ir para a cama, o smartphone é presença assídua nas mãos dos portugueses.

Cada português passa em média cerca de 6h por dia na internet, e 2h delas são passadas nas redes sociais. Todas as comunicações digitais podem ser partilhadas em segundos com apenas um clique, para dezenas, centenas ou milhares de pessoas, quer seja em mensagens privadas ou em grupos de Whatsapp, Facebook ou outros.

Links em sites, anúncios e em páginas de redes sociais são clicados a todo o momento, independentemente do público-alvo. Uma comunicação digital  optimizada para smartphones com foco das redes sociais é essencial para uma estratégia de comunicação de sucesso.

redes-sociais-para-empresas-vale-a-pena-investir

Quem não aparece, esquece

A comunicação nas redes sociais não tem apenas como objetivo principal angariar novos clientes. Um dos objectivos da comunicação nas redes sociais é manter uma presença digital constante, por forma a transmitir que a empresa está continuamente activa e em constante actualização.

Actualmente, quando um utilizador consulta um site de uma empresa e nota que a mesma não tem redes sociais, automaticamente considera que a empresa está desatualizada, e poderá até colocar em causa o seu funcionamento. Se a empresa tiver redes sociais com poucas publicações ou poucos seguidores, o utilizador irá considerar que a empresa não tem sucesso, eliminando à partida um possível interesse.

Amigos, amigos, negócios incluídos

Nem todos os que visualizam os conteúdos das redes sociais são potenciais clientes, mas as marcas e empresas que são mais activas, têm mais hipóteses de ser lembradas e referidas em situações do dia-a-dia. Numa simples conversa com amigos, numa reunião de trabalho ou até num encontro familiar, os conteúdos das redes sociais podem ser referidos e daí surgir interesse de potenciais clientes.

Quando uma empresa investe nas redes sociais, criando uma ligação emocional com os utilizadores, através da partilha constante de conteúdos informativos úteis e interessantes, tem mais hipóteses de ser lembrada ou referida nestas situações do quotidiano. Desta forma, irá aumentar consideravelmente as suas oportunidades para angariar novos clientes.